Quinta-feira, 7 de Março de 2013

O AZEITE E O EXCREMENTO

 

José Saramago

 

 

   Como o azeite vem ao cimo na água, também o excremento não deixa de cheirar mal. Um tal Lara acabou na prisão, o de Boliqueime não sei onde vai acabar.

   Fui teu adversário nos idos de 75, teu admirador nas páginas douradas da literatura que nos deixaste, na grande obra que obrigaste O Bando a produzir em terras de Palmela. Nesse palco vi grandes da cultura a homenagear-te, os meus amigos João Brites, o Horácio, a Natércia – que vais encontrar além – a Tita e a Lai-Lai a mostrarem como era um mundo de cegueira.

    Fizeste que abrisse os olhos passeando na passarola de Bartolomeu e como o povo sofreu porque uma tal Austríaca  pariu.

   Ai Belimunda, eu queria ser teu Sete-Sóis.

   O de Boliqueime, qual rei João V, não construiu um convento em Mafra, antes uns caixotes que em Belém escondem a obra do nosso grande Emanuel o Venturoso e se à pira não te agarrou é porque há votos e o chefe do Santo Oficio que tantos dos nossos grandes matou para tal não tem poder.

   Fosse vivo Damião e ao teu lado estaria amigo Zé a sofrer a ignominia dos poderosos que não são mais que mal cheiro de latrina.

   Luís Vaz escreveu – aqueles que por obras valorosas se vão da lei da morte libertado.

   E se a arte e o engenho me permitisse também mestre Gil copiava, mas para tal o meu intelecto não chega.

 

   Não repouses em paz amigo, continua lá para onde foste a gritar: Levanta-te

do Chão.

 

 

      Para a forca hia um homem: e outro

     que o encontrou lhe dice: Que he isto

     senhor fulano, assim vay v. m.? E o en-

     forcado respondeo: Yo no voy, estes me

    lleban.

                 

                      P.e  Manuel Velho

 

 

 A JOSÉ SARAMAGO, ESPÍRITO INDEPENDENTE

 


publicado por melgaçodomonteàribeira às 11:53
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 9 seguidores

.Outubro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.links

.posts recentes

. O AZEITE E O EXCREMENTO

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds