Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

MELGAÇO, DO MONTE À RIBEIRA

História e narrativas duma terra raiana

MELGAÇO, DO MONTE À RIBEIRA

História e narrativas duma terra raiana

A MULHER FATAL DE CAMILO

23.02.19, melgaçodomonteàribeira

36 d2 - f cultura 2013 (58).JPG

festa da cultura 2013

 

A MULHER FATAL

E passou assim este grão caso, cuja narrativa hei-de levar seguida com a possível seriedade. Chamava-se Virgínia. Bom agouro de nome! Virgínia de Menezes Picaluga de Ias Cuencas. Os apelidos estão explicados no brasão do portal. Cuencas vem de fidalgos gallêgos que se entroncaram com os Picaluga de Melgaço em 1524.

Virgínia, dama de vinte e seis annos e bellesa solida, vive na sua quinta das Açudes. É só, solteira e rica. Veio para alli; mas não se sabe d’onde. Eu sei. Depois direi d’onde e como foi. O que lá consta é que seu pae, Christovao de Picaluga, a mandara pequenina para longes terras, e na velhice a chamara, e reconhecera para os effeitos de succeder na casa paterna.

 

Camillo Castello Branco

A Mulher Fatal

Romance

4ª Edição

Lisboa

Parceria António Maria Pereira – Editores Livreiros

 

Retirado de:

www.archive.org/stream/amulherfatalrom00brangoog/amulherfatalrom00brangoog_djvu.txt