Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

MELGAÇO, DO MONTE À RIBEIRA

História e narrativas duma terra raiana

MELGAÇO, DO MONTE À RIBEIRA

História e narrativas duma terra raiana

PATRIMÓNIO DE PADERNE

07.03.13, melgaçodomonteàribeira

 

 

MACEDO, Diogo de

 

Iconografia Tumular Portuguesa. Subsídios para a formação de um museu de arte comparada. Lisboa, 1934

 

 15

 

refere:

 

… No Porto, arquivadas hoje no claustro de São Lázaro, existem duas coberturas de urna …, que Rocha Peixoto … trouxe de Melgaço, da … igreja de Paderne. Dúvidas há sobre a data e identidade dessas imagens. Uns a incluem na arte castreja e nelas presumem as figuras do Conde Hermenegildo, conde de Tuy, e da Condessa D. Paterna, cónega de Santo Agostinho, falecida em 1140; outros, porém, vêem ali um cavaleiro e um abade, de era mais recente, o que não queremos acertado…

 

pomar@mail.telepac.pt

11/12/97

O nome e opinião de Diogo de Macedo e Rocha Peixoto terão que ser levados em consideração como muito válidos e as diversas formas como tem sido distinguidos ao longo dos anos provam o seu valor a nível de investigação e divulgação da nossa história .

 

Será que para a Junta de Freguesia de Paderne ou para a vereação da Cultura da C. M. Melgaço este texto deverá ser levado em conta? O Núcleo Museológico de Melgaço? Conhecerão a Foz do Rio Trancoso 42’ 9’15’’? Eu gostava que sim.

 

 

Camborio Refugiado

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.